Combate ao Cibercrime. Para quê e como? Apontamentos desde uma perspectiva europeia

09/12/2015

Comunicação ao IV Congresso de Investigação Criminal “Prevenção e Investigação Criminal no Cibercrime: Desafios no Século XXI”, Faro.

Comentários

Veja também:

Facebook é condenado a indenizar usuário avaliado no APP “Lulu”
STJ divulga jurisprudência sobre aspectos conceituais dos crimes cibernéticos
Rumos da conectividade no Brasil é tema de debate público na Câmara dos Deputados
Colunista do Direito & TI lança APP que auxilia vítimas de vingança pornô

2015 - Todos os direitos Reservados