Equipe Editorial

A estrutura editorial da Revista Eletrônica Direito & TI (RED&TI) é constituída pelos seguintes elementos: (a) Conselho Editorial; (b) Corpo Editorial Científico; (c) Editor-Chefe; e (d) Avaliadores.

Conselho Editorial

O Conselho Editorial da (RED&TI) ,composto por doze membros (podendo chegar a 30), é constituído por pesquisadores e docentes de destaque na área, oriundos da comunidade acadêmica de Direito & Tecnologia da Informação. Os nomes devem ser propostos e aprovados pelo Conselho de Doutores, já integrante. No total de doze membros, está incluído o Editor-Chefe.

Cabe ao Conselho Editorial:

  • Coordenar o processo de escolha, aprovação e validação do nome do Editor-Chefe;
  • Zelar pelo cumprimento das atribuições dos editores e substituí-los caso suas atribuições não estejam sendo cumpridas adequadamente;
  • Deliberar sobre decisões relativas a políticas editoriais da (RED&TI), tais como: mudanças de missão, escopo e foco, público-alvo, identidade visual, processo editorial e periodicidade;
  • Desenvolver a atividade de ombudsman por meio de designação de agente; e
  • Discutir e aprovar as alterações de regras sobre submissão e aprovação de textos científicos.

Editor-Chefe

O Editor-Chefe coordena o processo editorial buscando promover o desenvolvimento dos trabalhos submetidos à (RED&TI) , de seus autores, revisores e avaliadores. A escolha do Editor-Chefe deve considerar fatores como: liderança científica, reconhecimento da comunidade, histórico de atuação como revisor e autor e seu projeto de trabalho para o periódico.

O Editor-Chefe somente poderá publicar resenhas e ensaios na (RED&TI).

O Editor-Chefe é responsável por:

  • Coordenar a equipe envolvida com o periódico, incluindo revisores/avaliadores;
  • Revisar a admissão de artigos submetidos ao periódico (desk review);
  • Recomendar a inclusão e substituição de membros do Corpo Editorial Científico;
  • Indicar revisores/avaliadores para os artigos submetidos à publicação;
  • Encaminhar a recomendação de alterações em conteúdos de artigos submetidos;
  • Informar ao autor correspondente a decisão editorial de aceite/não aceite ao final do processo de avaliação; e
  • Decidir sobre a aprovação ou a rejeição de artigos e o tempo de publicação.

O Editor-Chefe deve ter por objetivo:

  • Melhorar continuamente o periódico e seus processos de gestão editorial;
  • Promover a celeridade do processo editorial;
  • Manter registro de avaliações de desempenho de avaliadores, em especial nos aspectos relacionados à qualidade de pareceres e prazos incorridos para emissão de pareceres;
  • Orientar os autores sobre tudo o que se espera deles;
  • Zelar pelo cumprimento dos prazos de emissão de pareceres e divulgação dos artigos;
  • Mediar a relação entre revisores/avaliadores e autores; e
  • Designar editores convidados (externos à RED&TI) para fins de editoria de artigos de autoria de membros do Conselho Editorial da RED&TI submetidos ao periódico.

Corpo Editorial Científico

O Corpo Editorial Científico da RED&TI é um colegiado multi-institucional, integrado por especialistas plenos de amplo reconhecimento na comunidade acadêmica nacional e/ou internacional, distribuídos em termos tanto de seus campos científicos de especialidade, quanto geográficos, abrangendo regiões distintas do Brasil e de outros países e a mais ampla gama de campos científicos na área.

O Corpo Editorial Científico da RED&TI é formado por pesquisadores, escolhidos pelo Editor-Chefe do periódico assessorando-o na:

  • Revisão de admissão (desk review) dos artigos submetidos à publicação;
  • Escolha de avaliadores;
  • Comissão especial para resolver problemas referentes às políticas éticas de publicação; e
  • Demais decisões relativas aos aspectos científicos do processo editorial do periódico, sempre que solicitados por um dos Editores.

Revisores/Avaliadores

Os Revisores/Avaliadores desenvolvem a análise dos artigos, distribuídos às cegas, a partir de um conjunto de elementos definidos, tais como interesse para o periódico, metodologia, referencial, clareza, entre outros. É possível que eles recomendem alterações no trabalho, indiquem-no para publicação, sugiram novas revisões ou rejeitem-no. Estes subsídios são utilizados pelo Editor-Chefe, para a decisão de aceitação ou não dos artigos.

Os Revisores/Avaliadores são estudiosos com reconhecimento na comunidade acadêmica nacional ou internacional. Sua seleção busca abranger tanto os diversos campos científicos de especialização, quanto a diversidade geográfica, incluindo regiões distintas do Brasil e de outros países. Os revisores são convidados pelo Editor-Chefe para fazerem parte do grupo de pesquisadores da Revista e, dentro das suas áreas de especialidades, o convite é estendido à análise dos trabalhos.

Desde que a demanda exija, cada linha de pesquisa pode dispor de Editores "Ad-Hoc" por linha no sentido de colaborar com o trabalho do Editor-Chefe.